Manaus, 03 de Julho de 2020

SINDUSCON-AM se reúne com CSC e Comitê de Crise do Governo para discutir sobre processos licitatórios de obras públicas do Amazonas
1 de maio de 2020

Como parte da série de atividades que o Sindicato da Construção Civil do Amazonas (SINDUSCON-AM) vem realizando com o objetivo de atender as demandas do setor da construção, a diretoria do sindicato se reuniu por videoconferência com o presidente do Centro de Serviços Compartilhados (CSC) – antiga Comissão Geral de Licitação (CGL) –, Walter Siqueira Brito, na manhã desta quinta-feira (30/04).

Além da diretoria do SINDUSCON-AM e o presidente do CSC, o presidente da Junta Comercial do Estado do Amazonas e representante do Comitê de Crise do Governo Ênio Ferrarini, também participou da reunião.

Dentre os assuntos abordados na reunião, destacaram-se os anseios que as construtoras do Amazonas tem em relação aos processos licitatórios de obras públicas do Estado, como, por exemplo, a interrupção do processo de Adesão a Atas externas por secretarias estaduais, a necessidade de se licitar obras públicas que não sejam em sua grande maioria obras de pavimentação e estradas, entre outros. O sindicato reiterou a importância das licitações contemplarem o maior número de empresas possíveis, para manutenção das mesmas, gerando assim novos empregos e contratações e estabilizando os já existente.

Apesar da limitação da ocorrência das Adesões a Atas não estar sob total domínio do CSC, Walter se demonstrou totalmente aberto em reduzir as dificuldades apresentadas na reunião e levantar propostas junto com o setor da construção para flexibilizar o processo de contratação de construtoras em licitações do Amazonas, tendo em vista a possibilidade de incidência de obras emergenciais durante o período de crise do Estado.

O SINDUSCON-AM solicitou do presidente do CSC para que seja feita a abertura, para o maior número possível de empresas, a solicitação de obras emergenciais, que não terão processos licitatórios, e que gostaria da participação do sindicato e ser informado destas obras neste momento de pandemia.

O presidente do CSC, juntamente com o presidente da Jucea-AM, Ênio Ferrarini, informou que se reunirá com o Governador do Amazonas, Wilson Lima, para levar a demanda com finalidade de buscar soluções que fortaleçam não só o setor da construção, mas também a economia do Estado, ao gerar emprego e renda.

SINDUSCON-AM, construção com representatividade.

📱(92) 8423-0706
📞3622-6525
📧 atendimento@sinduscon-am.org.br